• #VoltandoAosCachos: Amanda da Silva Feitoza

  • Minhas 5 bases do momento: da natural ao reboco!

  • fevereiro 2, 2018 // Comente

    Oi genteee! Nessa sexta-feira, trouxe o depoimento da Vanessa Stefanye da Silva Santos, que mora em Barueri, São Paulo, e tem 22 anos. Ela me mandou a sua história por e-mail, e vocês podem continuar acompanhando pelo Instagram e pelo Facebook! 🙂

    E se você quiser mandar seu depoimento pra mim também, é só acessar essa página e ver como fazer. Quero muito conhecer a sua história!

     

     

    Bom, sempre fui muito “pé atras” comigo mesma quando se tratava de beleza, mas isso tinha uma razão EU ERA BEM ZOADA por colegas de classe por todas as séries que passei.

    Desde sempre tive o cabelo enrolado, mas como sempre cansada de ser o “Patinho feio” da turma resolvi alisar meus cachos, eles eram grandes e definidos, mas o que eu não tinha era cuidado até por ele ser bem armado e eu não gostava de modo algum. Enfim, passei o tal relaxamento e foi ai que meu cabelo teve uma grande queda, Nossa, foi terrível! nos primeiros dias ficou lindo, mas depois aconteceu de eu perder(literalmente)aquele cabelo lindo que eu tinha. Desde então fiquei viciada em chapinha, em deixa-lo bem alisado, nenhum fio fora do lugar, aquela perfeição sabe!? pois bem, e isso foram anos e anos dessa mesma forma, chapinha todo santo dia.

     

     

    Se passaram 6 anos dependente de progressiva nesse cabelo eu fiquei doente, tive um problema grave de circulação e os remédios fizeram com que mais uma vez meu cabelo caísse mas apenas do lado direito da minha cabeça e isso mexeu muito com meu emocional que foi ajudando muito na queda. E um belo dia, ou melhor, uma bela noite fuçando no You Tube assisti um vídeo de uma moça que estava passando pela transição e eu pensei: EITA, AMANHA COMEÇO!!!fiquei tãaaaao empolgada, comecei e assim fiquei durante 3 meses, foram bem difíceis por que aquelas duas texturas me matavam, como fui impaciente fiz meu BC logo, mas antes eu havia cortado ele até os ombros. Meu BC foi libertador, no mesmo dia tinha um evento da minha igreja para ir e fui com a cara e coragem, e muitos olhares maldosos, encantados e até preocupados foram percebidos por mim, mas eu não estava nem ai, queria era meus cachos de volta!!! Hoje tenho 1 ano e 7 meses de cacheada, posso dizer que foi uma das decisões mais sabias da minha vida!!

     

     

    Para mim a auto-estima é o que vivo hoje! Auto estima além de beleza é a paz interior dentro de nós, e saber que NUNCA vamos ser bem vistas por todos(e nem devemos ser) mas que estamos nos amando, nos aceitando, nos aplaudindo, nos namorando, nos vendo como perfeitas assim do jeitinho que somos, e a melhor parte da transição é isso saber que nos descobrimos como realmente somos e que não foi fácil chegar até aqui, então, valorizamos mais!!!

    Minha vida mudou para muito melhor por saber que posso realmente ser EU, EU VANESSA STEFANYE DA SILVA SANTOS, saber que posso sim ser imponderada assim, gordinha, negrinha e agora… cacheadaaaaaaa ?

    ©2018 - Apenas Ana - Todos os direitos reservados // Design por Sara Silva