• #VoltandoAosCachos: Eduarda Ranielle

  • Inspirações para usar coturno no dia a dia

  • #VoltandoAosCachos: Sâmara Barbosa de Souza

  • outubro 20, 2017 ----------- Voltando Aos Cachos

    O post do #VoltandoAosCachos de hoje vai mostrar o depoimento da Juliana Vieira. A Juliana tem 22 anos, mora em São Bernardo do Campo, em São Paulo, e dividiu com a gente a sua história linda. Para continuar acompanhando, fique de olho no seu blog, no seu Instagram e no seu canal do Youtube. 🙂

     

     

    Comecei a fazer relaxamento no cabelo com 6 anos de idade, quando eu entrei no prézinho. Minha mãe sempre cuidou do meu cabelo, mas todos os dias de manha ela tinha que pentear, arrumar, mas quando ela colocava o pente no meu cabelo eu já começava a reclamar e ai ela ficava brava comigo kkk. Então eu comecei a ver que as meninas de cabelo liso tinham mais facilidade  de cuidar do cabelo, então comecei a pedir para ela me deixar alisar, até um dia que ela cedeu e deixou.

     

     

    A partir dai alisei o cabelo até os 19 anos, em junho de 2014 após fazer a ultima química decidi que não ia mais alisar o cabelo. Passei um ano e meio em transição, foi difícil a autoestima ficou bem baixa principalmente no final, mais graças a Deus eu consegui passar por isso e foi a melhor coisa que eu fiz na vida.

     

     

    O que é autoestima: Para mim autoestima vai muito além de roupas e maquiagem. Hoje eu me sinto linda quando olho no espelho, tanto que muitas vezes eu me olho e falo assim para os meus pais: como é ter uma filha tão linda? kkkk Hoje eu saio de casa sem maquiagem praticamente todos os dias, não me importo com a roupa que eu estou vestindo, eu me sinto bonita em todos os lugares que eu vou. A partir do momento que eu assumi o meu cabelo, percebi o que era autoconfiança de verdade e que não preciso de roupas caras e muita maquiagem para me sentir bonita. Autoestima é se aceitar independente de qualquer coisa. 

    O que mudou na minha vida: Com certeza foi a minha autoconfiança, eu não me sinto mais insegura, com medo do que os outros vão pensar. 

     

    E se você quiser mandar seu depoimento pra mim também, é só acessar essa página e ver como fazer. Quero muito conhecer a sua história!

    outubro 17, 2017 ----------- Moda e Estilo

     

    Se você gosta dessa onda setentinha, vai se identificar na hora! A manga flare veio direto dos anos 1970 para os dias de hoje. Nossos pais e avós chamam esse tipo de manga de “boca de sino”, e com certeza usaram muito quando eram jovens! Blusas, batas, vestidos e até casacos estão vindo com essa manguinha mais larga, bem típica de décadas atrás. Vamos nos inspirar? <3

     

     

    A Sheri usou seu vestido floral amarelo com um cintinho preto para marcar a cintura, uma bolsa pequena preta e sandália de salto. Que incríveis as cores que ela escolheu para o look, né? <3 A Monica preferiu um vestido midi com uma modelagem mais ampla e estampa de listras. Pra completar, uma bolsa diferentona e mules com paetês nos pés. Já a Natalia optou por um look mais romântico, um vestido com detalhes florais na manga flare, finalizando com sandália nude de amarrar.

     

     

    No look da Akila, a manga flare não é tão grandona, então, é uma opção para quem quer se jogar aos poucos na tendência. Ela combinou a blusa cropped com uma saia de couro e botinhas pretas! A Toni usou três tendências numa composição só e deu super certo: a manga flare, o decote ombro a ombro e calça pantacourt (ou pantalona curta). A Marquise também usou couro no seu look, dessa vez numa bermudinha, e finalizou com scarpin branco. As listras coloridonas da blusa ajudaram a dar um ar mais informal e divertido!

     

     

    O look da Elif é ideal para quem é super básica. Mesmo numa composição simples, as mangas flare chamam atenção e não deixam a roupa ficar tão óbvia assim. Taí um exemplo arrumadinho para um dia de verão! A Lee também adotou várias tendências de uma vez só, como a transparência, a calça jeans de cintura alta e as chokers. E a Nkenge nem se fala, né? Super estilosa com uma jaqueta de couro, pantacourt branca e ankle boots! Fica a dica pra quando o tempo estiver um pouco mais frio. 😉

     

     

    1. Blusa ombro a ombro manga flare – Riachuelo
    2. Blusa ombro a ombro manga flare – Riachuelo
    3. Cropped manga flare – Pop Up Store
    4. Blusa flare cinza – Dafiti
    5. Blusa flare preta – Dafiti
    6. Blazer alfaiataria manga flare – Amaro

     

    Vocês usariam esse tipo de manga? Contem aqui nos comentários! <3

    outubro 13, 2017 ----------- Voltando Aos Cachos

    Hoje separei a história inspiradora da Rayssa Gomes para vocês conhecerem. Rayssa tem 18 anos e mora em Belo Horizonte, Minas Gerais, e foi ela mesma quem fez o seu BC, acreditam? Vem ver que depoimento incrível e que mudança mais linda a da Rayssa! Aposto que vocês vão se identificar bastante. E vocês ainda podem seguir no Instagram aqui: @raygomesr. <3

     

     

    Bom, vamos começar pelo meu período de infância: eu era uma menina muito insegura, que não se sentia satisfeita consigo mesma, eu até gostava dos meus cachos mas odiava o volume e não sabia como cuidar do meu cabelo. Eu RARAMENTE usava o cabelo solto, porquê sentia vergonha e achava que meu cabelo tinha que estar sempre “domado”. Nunca tive uma referência, queria ter o cabelo liso, sempre via minha mãe, irmã mais velha e tias alisando seus cabelos, por isso era meu sonho poder fazer o mesmo. Quando eu completei 15 anos, fiz minha primeira escova progressiva (eu queria tanto isso que foi o meu presente de aniversário). Fiquei muito feliz no começo, eu achava que aquilo resolveria todos os meus problemas, mas não foi bem assim. Com o passar do tempo meu cabelo foi ficando cada vez mais danificado (eu fazia chapinha toda semana em casa mas não fazia sequer uma hidratação), cheguei inclusive a fazer a progressiva outra vez.

     

     

    Depois de uns 2 anos nesse processo, eu fui me cansando daquilo tudo, não estava mais satisfeita com o meu cabelo e comecei a sentir falta dos meus cachos. Cheguei a chorar muitas vezes, por achar que nunca teria meu cabelo de volta. Foi quando eu comecei a assistir algumas cacheadas no youtube (principalmente a Rayza Nicácio), que eu descobri como cuidar de um cabelo cacheado e que era possível sim voltar ao natural através da transição capilar. Mesmo sem saber direito o que eu tava fazendo (rs), eu decidi não fazer mais progressiva. O plano era continuar fazendo só chapinha até o meu cabelo natural crescer e eu poder cortar a parte lisa, (fiz algumas texturização também e usei muito o cabelo preso nesse período), mas com o tempo eu fui ficando sem paciência com aquelas duas texturas no cabelo, e no dia 13 de fevereiro de 2016 eu fiz o Big Chop (simplesmente entrei no banheiro de casa com uma tesoura na mão, molhei o cabelo e fui cortando tudo que tava esticado, kkk). Hoje já faz mais de 1 ano e não me arrependo nem um segundo do que fiz. 

     

     

    O que é autoestima pra você? Autoestima pra mim é se sentir bem com quem você é, se aceitar e saber que a beleza do outro não interfere na sua.

    O que mudou na sua vida depois que você se aceitou? Absolutamente tudo muda! Aceitar o cabelo para muitos pode não significar nada, mas para mim é uma questão de identidade! Eu posso dizer que foi uma das melhores coisas que já aconteceram na minha vida. O aprendizado é diário, sabe? Depois que você aceita o seu cabelo, você passa a aceitar quem VOCÊ É. E as outras pessoas também. É um exercício de amor próprio. É saber que cada detalhe seu, cada característica sua, faz parte de você e isso não deve ser mudado. Eu me sinto muito mais segura hoje, além de me sentir muito mais à vontade para experimentar coisas novas (no estilo, na maneira de se vestir, acessórios, etc), coisas que eu nunca imaginei usar ou gostar antes, agora eu gosto e uso!

    Ps: Ana, você é incrível!

     

    E se você quiser mandar seu depoimento pra mim também, é só acessar essa página e ver como fazer. Quero muito conhecer a sua história!

    outubro 12, 2017 ----------- Outros

     

    Dia 12 de outubro é dia das crianças e, pra aproveitar essa data tão especial, separei nesse post 10 meninas crespas e cacheadas super estilosas para seguir no Instagram e se inspirar. Espero que vocês se apaixonem por elas tanto quanto eu! <3

     

     

    // Hayden: @happyfeetvt

     

    A Hayden tem 5 anos e é muito sorridente! No seu Instagram, ela compartilha seus looks fofos, penteados diferentes com o cabelão, passeios pela cidade e vídeos engraçados.

     

    // Zuri: @____zuri

     

    A Zuri é uma das mais antenadas na moda nessa lista. Ela, desse tamaninho, é modelo e tem os looks mais divertidos de todos. Os óculos diferentões são muito engraçados e a gente morre de fofura com esses mini tênis. <3

     

    // Elis: @elis_shiis

     

    A Elis é brasileiríssima e tem 6 anos de idade. Ela dança muuuuito e sempre posta vídeos no seu Instagram! Por lá, ela também sempre mostra em quais programas vai aparecer pra gente acompanhar essa carreira linda que está trilhando.

     

    // Haileigh: @hails_world

     

    Haileigh tem só 8 anos e já tem sua própria marca, é modelo e atriz! No seu Instagram, ela posta vários looks inspiradores, além de compartilhar fotos de campanha que participa e mostrar um pouco de como é a sua vida.

     

    // Summer: @_callmesparkle

     

    Outra menina super estilosa do Instagram é a Summer. Além de compartilhar seus looks liiiiiindos no Instagram (como não se apaixonar por todos esses óculos fofos?), ela também tem um blog e compartilha dicas de produtos de cabelo por lá.

     

    // Soffia: @mcsoffia

     

    MC Soffia não é só inspiradora pelos seu visual e seus looks. Ela é uma das artistas jovens mais influentes do Brasil hoje! Com 13 anos, recebeu o Prêmio Cláudia de Revelação e, no ano passado, ela cantou nas Olimpíadas junto com a Karol Conká. Pra ficar de olho bem de pertinho. <3

     

    // Ketiley e Mirella: @ketileyemirella

     

    A Ket e a Mirella são irmãs e dividem, além da conta no Instagram, um canal no Youtube. Lá elas dividem um pouquinho das suas rotinas com o cabelo, aceitação e desafios engraçados.

     

    // Aubrielle: @aubrielle_

     

    Como lidar com a fofura da Aubrielle? No seu Instagram, a gente vê fotos dos looks super estilosos dela, seus penteados, vídeos engraçadinhos e até fotos dos seus animais de estimação. É pra morrer de amores!

     

    // Beatriz: @atrizduque

     

    A Beatriz é dona de um dos sorrisos mais simpáticos de toda essa internet! Ela tem 5 anos, é de Manaus e também tem um canal no Youtube. Um sucesso! Diz aí, ela não parece um pouco com a Moana da Disney? <3

     

    // Santanna: @sanforshort

     

    Pra fechar essa lista cheeeeeia de fofuras, escolhi a Santanna, de 4 anos. Ela mora em Londres e é modelo. No seu Instagram, ela compartilha looks, produtinhos de cabelo, penteados e campanhas que faz para várias marcas. Lindinha! <3

     

    Vocês conhecem outras meninas inspiradoras no Instagram? Comentem aqui! 😀

    Apenas Ana (C) 2017 DESIGN POR SARA SILVA